SDR não entrega sementes e agricultores podem perder safra em Lagoinha do Piauí.

   O bom período chuvoso é um alento para os agricultores que dependem da terra e dos céus para tirarem o sustento de suas famílias. Mais as chuvas vem perdendo o sentido no município de Lagoinha do Piauí, já que os produtores rurais ainda não receberam as sementes para poderem aproveitar o ‘raro’ período chuvoso e iniciar suas plantações. Segundo a Prefeitura do município de Lagoinha do Piauí, o pedido de sementes de milho e feijão já foram feitas à Secretaria de Desenvolvimento Rural (SDR), órgão do Governo do Estado, responsável pela distribuição de sementes aos municípios. Porém, o município ainda não teve o pedido atendido. A Prefeitura, que tem como gestor o prefeito Dr. Alcione, já comunicou aos agricultores sobre o problema e até mesmo já reforçou, por várias vezes, o pedido à SDR. A SDR lançou ainda em janeiro, o programa de distribuição de mudas de 2017, anunciando através do secretário de Desenvolvimento Rural Francisco Lima que iria distribuir mais de 300 toneladas de sementes para todos os 224 municípios do estado, sendo 210 toneladas de feijão, 100 toneladas de sementes de milho, 500 mil raquetes de palma forrageira e 1 milhão de mudas de caju. A ação irá beneficiar 45 mil famílias de agricultores familiares, tendo sido investidos R$ 5.549.000 (mais de R$ 5 milhões) pelo Governo do Estado, através da SDR.

SDE

A solenidade para divulgar o ‘programa de entrega de sementes’ aconteceu em janeiro deste ano e contou com vários líderes municipais, que ficaram esperançosos com o anúncio. Porém, já se passaram mais de 50 dias após a ‘solenidade’ e as mudas ainda não chegaram há vários municípios. Assim, vários agricultores e familiares carentes, que dependem dessas mudas, correm o risco de perderam o período chuvoso para suas plantações e não terem o que comer ou vender para suas subsistências.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *